HeliAntenas cal e alimentador com vazamento: referência econômica para aplicações subterrâneas de alta largura de banda


Sumário executivo

Este relatório apresenta uma análise económica abrangente da implantação de alimentadores com fugas e helisistemas de antenas cal, considerando todos os aspectos da implementação de redes sem fio. Os fatores avaliados incluem custos com obras de implantação, materiais, manutenção preventiva e reparos.

Esta análise visa fornecer uma compreensão clara do custo total de propriedade (TCO) para cada tipo de antena, permitindo que organizações e clientes tomem decisões informadas com base nos seus orçamentos e requisitos específicos.

Discussão

Obras de implantação: custos e restrições associadas

A instalação de sistemas de alimentação com vazamento, especialmente em ambientes confinados ou complexos como túneis, consome muito tempo. A necessidade de implantar cable kits de cabide a cada 50 cm ou mais, junto com o fato de que normalmente é feito mais acima nas paredes do túnel (o que significa que o uso de um elevador hidráulico móvel de tesoura é obrigatório) e então é necessário cuidado cabA preparação da instalação torna as instalações muito “lentas”.

Além disso, dada a sua natureza, um Leaky Feeder necessita de equipamentos adicionais, como repetidores, acopladores e fontes de alimentação, que exigirão a criação de pontos de saída ao longo do caminho, contribuindo para um aumento adicional de custos na implantação.

Para implantar uma rede de comunicações sem fio de alta largura de banda, a rede precisará operar em frequências próximas ou superiores a 1 GHz. Para manter a atenuação e a perda de sinal ao mínimo, os alimentadores com fugas utilizados para estas frequências precisam de ser bastante espessos, tornando-os pesados ​​para transportar ao longo do túnel, resultando na necessidade de um veículo para transportar o sinal. cabos rolos.

Levar mais tempo para a implantação se traduzirá em maiores interrupções nas operações. Quando se consideram túneis rodoviários, isto significa o encerramento de faixas, quando se consideram túneis ferroviários, isto traduz-se na paralisação total da operação, uma vez que as linhas devem ser encerradas, por razões de SH. Para estes dois exemplos, em particular, isto se traduz automaticamente em trabalhos realizados à noite, quando normalmente ocorrem mais incidentes de HS e a mão de obra é mais cara.

Finalmente, ao considerar o trabalho associado à implantação do Leaky Feeder, versus a implantação de uma antena, os recursos para implantação dos Leaky Feeders precisam ser experimentados com a implantação, crimpagem e teste/garantir a instalação correta de um Leaky Feeder. Instalação de antenas, que vêm pré-testadas pelo fabricante, que podem não exigir trabalho com coaxial cabmenos, pode ser feito com mão de obra menos qualificada ou com um risco muito menor de uma má implantação.

Redes implantadas com Heliantenas cal não tem nenhum dos problemas acima mencionados. Sendo um sistema “discreto”, basta instalar as antenas exatamente onde os Pontos de Acesso/Estações Base estão instalados.

Vamos considerar a seguinte comparação de custos para garantir 500 metros de cobertura de um sistema sem fio que prioriza dados para um túnel. Os dados em primeiro lugar significam que a cobertura é importante, mas a qualidade do sinal também é de extrema importância para garantir elevados rendimentos. Por conta disso, usaremos rádios 2×2. Para esta comparação de custos, vamos trabalhar com as seguintes suposições:

  • Custos de Saúde e Segurança: podemos considerar, neste caso, que são iguais. Mesmo que não sejam, já que o Leaky Feeder leva pelo menos 3 vezes mais tempo para instalar.
  • Interrupção da operação normal dos negócios: consideraremos que a interrupção da operação normal dos negócios não tem nenhum custo ou tem o mesmo custo, seja 3 dias ou 1.
  • Probabilidade de erros ou equívocos: Assumiremos que a probabilidade de erros ou equívocos é a mesma, quer os trabalhos durem 3 ou um único dia.
  • Assumiremos que nenhum amplificador será usado para o alimentador com vazamento, portanto, não haverá custos adjacentes para alimentá-los.
  • A mão-de-obra baseia-se nas taxas do mercado português, que são as mais baratas de todos os países europeus (excluindo os países de leste).
  • Em relação às partes ativas do sistema, os rádios, assumiremos:
    • estamos trabalhando exatamente com a mesma marca e modelo e, como estamos considerando aplicações de alta largura de banda, consideraremos um rádio 2×2, o que significa que precisamos de um sistema de antena 2×2 (independentemente de LF ou Helical). Para esta comparação, utilizamos um AP Wi-Fi de última geração ou um rádio 4G privado.
    • Mesmo que seja discutível, assumiremos que para cobrir 500 m são necessárias duas antenas MIMO 2×2, (o que provavelmente não seria necessário, usando antenas bidirecionais). Heliantenas cal).

Configuração do alimentador com vazamento:

Heliconfiguração da antena cal:

As tabelas mostram que, apenas nos custos de implantação, usando matemática aproximada, mas preços bastante precisos nos itens, garantindo uma cobertura de rede sem fio de alta largura de banda para 500 metros, heliconfigurações de antenas cal podem ser quase três vezes mais baratas do que aquelas baseadas em alimentadores com vazamento.

Custos de Manutenção Preventiva

No caso de sistemas alimentadores com vazamento, eles podem exigir manutenção mais frequente devido aos seus múltiplos componentes e padrão de radiação distribuída. Isso pode levar a custos mais elevados de mão de obra e materiais para manutenção preventiva. Por outro lado, heliantenas cal geralmente requerem menos manutenção preventiva como resultado de seu design mais simples e padrão de radiação focalizado. Isso se traduz em menores custos de mão de obra e materiais. Adicionalmente, heliantenas cal as implantações baseadas têm menos pontos de falha, o que significa que há menos peças sobressalentes para manter em estoque para substituição rápida e menos contratos de manutenção e suporte para gerenciar.

Custos de reparos

Quando se trata de sistemas de alimentação com vazamento, os custos de reparo podem ser maiores devido à complexidade do sistema e ao potencial de danos a vários componentes. A natureza distribuída dos alimentadores com vazamento pode tornar a localização e o reparo de falhas mais demorados, resultando em aumento dos custos de mão de obra. Em contrapartida, os reparos para heliantenas cal são normalmente mais baratos, pois têm menos componentes e um design mais simples.

A localização e o reparo de falhas são geralmente mais rápidos e fáceis, levando a menores custos de mão de obra. Além disso, se o dano for causado pelo impacto de um veículo ou máquina que rasgue parte do cablonge da parede, tanto o alimentador quanto os sistemas de antena com vazamento podem sofrer perda de cobertura em uma seção inteira do túnel.

No entanto, a heliantena cal o sistema pode ser reabastecido muito mais rapidamente, reduzindo o custo total do reparo.

A única maneira de 'solucionar problemas' de sistemas de alimentação com vazamento, quando surgem problemas de desempenho, especialmente aqueles que causam degradação de desempenho, é fazer uma 'varredura de frequência' do 'alimentador com vazamento' usando um Analisador de Rede, incluindo o uso de um TDR (Reflectômetro de Domínio de Tempo) para determinar a distância (localização) até a falha. Na maioria dos casos, todo o CabA seção entre Repetidores precisa ser substituída com um custo enorme em termos de material, mão de obra (incluindo Engenheiros para operar o Equipamento de Teste) e tempo de inatividade no Túnel.

Conclusão

Em conclusão, heliantenas cal apresentam uma solução significativamente mais vantajosa para implantações subterrâneas de comunicação sem fio em comparação com sistemas de alimentação com vazamento. Eles não apenas proporcionam desempenho superior em termos de qualidade de sinal e cobertura, mas também oferecem economias substanciais de custos em vários aspectos. Da implantação à manutenção preventiva e reparos, heliantenas cal requerem menos tempo, trabalho e recursos. Além disso, o seu design mais simples e o seu padrão de radiação focada tornam-nos mais resilientes e fáceis de gerir, resultando em menos pontos de falha e na redução do tempo de inatividade.

Dada a relação custo-benefício e o desempenho superior do heliantenas cal, eles são inegavelmente a escolha ideal para sistemas subterrâneos de comunicação sem fio, especialmente em aplicações de alta largura de banda. Além disso, as mais recentes técnicas MIMO (2×2 ou mesmo 4×4) são habilitadas através do uso de 'Mão Esquerda' e 'Mão Direita Polarizada' HeliAntenas cal. Isto oferece transmissão desrelacionada dos sinais MIMO pelo túnel, aprimorando os recursos oferecidos por esta tecnologia. O impacto económico disto é uma taxa de dados mais fiável e mais elevada pelo custo de adicionar elementos radiantes extra a dispositivos MIMO já existentes.

Ao optar por heliantenas cal, as organizações podem obter infraestrutura sem fio mais confiável, eficiente e econômica em ambientes confinados ou complexos, como túneis, minas e instalações subterrâneas.

Imprimir amigável, PDF e e-mail
POYNTING DEKRA Selo ISO 9001
Sobre a empresa
Traduzir o site
© POYNTING 1997 - 2024 | Projetado e desenvolvido por POYNTING Antennas (Pty) Ltd
comparar produtos